VAMPIROS URBANOS SEDUZEM BLOGUEIRO

null

Nunca gostei da palavra crítico, a priori indica uma pessoa crítica, predispota a apontar mais defeitos que acertos. Mas digamos que sou exigente. Não é qualquer quadrinho que me enche os olhos. Mas esse aqui não só encheu os olhos como mordeu a minha jugular. Apesar do atraso de cinco a seis anos, a série “Predadores”, lançada no Brasil pela editora Devir, já figura em lugar privilegiado na minha disputada estante.

Predadores irmãos vampiro

A história escrita por Jean Dufaux, vá lá, é legal. Sobre uma sociedade secreta milenar, formada por vampiros que moram na cidade grande, cujo ponto fraco é um quisto atrás da orelha. E em meio a dezenas de mortes, o detetive Benito Spiaggi e a tenente Vicky Lenore tentam resolver o caso, onde nunca se sabe quem é humano e quem não é. Em paralelo, um casal de irmãos, a sensual Camilla e o impiedoso Drago, fazem justiça com as próprias mãos e dentes. E que dentes. Pra complicar ainda mais, surge na trama um indiano chamado Aznar Akeba, que assim como os dois vampiros, também deseja vingar a morte de um parente.

Mas o que seduz nos quatro volumes de “Predadores” é o belíssimo desenho de Enrico Marini. Esse sim é S-I-N-I-S-T-R-O!!! Tanto pelos enquadramentos criativos quanto pelas cores, as formas dos personagens (principalmente em cenas mais quentes, de beijos e sexo) e as cenas de luta. Uma verdadeira obra-prima, que acaba por retardar a leitura. É impossível não parar diante de alguns quadrinhos e analisar tim tim por tim tim. Não à toa, a série foi muito elogiada como uma das melhores da Europa. Toda em papel couché a cores, é uma HQ que vale cada centavo investido. Confira nas melhores lojas do ramo.
>> JORNAL DO BRASIL – por Pedro de Luna

Predadores  1
Predadores 2
Predadores 3
Anúncios

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: