“O HOBBIT”: GUILLERMO DEL TORO DEIXA DIREÇÃO DO FILME

O mexicano Guillermo del Toro deixou seu cargo como diretor de “O Hobbit” devido aos constantes atrasos na filmagem, provocados pelos problemas financeiros da produtora Metro Goldwyn Mayer (MGM).

Assim anunciou hoje o próprio cineasta através de um comunicado publicado no portal de internet “The One Ring”, especializado na popular saga de “O Senhor dos Anéis”, no qual admitiu que esta é “a decisão mais difícil” de sua vida.

“À luz dos constantes atrasos na data de início da filmagem de ‘O Hobbit’, devo enfrentar a decisão mais difícil da minha vida”, escreveu o diretor, de 45 anos, sobre este projeto que, a princípio, ia lançar dois filmes, que estreariam em dezembro de 2012 e dezembro de 2013.

“Após dois anos de viver, respirar e projetar um mundo tão rico como a Terra Média de Tolkien, devo, com grande pesar, abandonar a tarefa de dirigir estes maravilhosos filmes”, afirmou del Toro.

O cineasta especificou que continuará desenvolvendo os roteiros de ambas os filmes junto com Peter Jackson, Fran Walsh e Phillippa Boyens.

Dias atrás o mexicano tinha mostrado seu desagrado com a situação na qual se encontra “O Hobbit”, projeto pelo qual se mudou com sua família para a Nova Zelândia há mais de um ano.

A MGM está em uma situação crítica, com uma dívida de US$ 3,7 bilhões e submetida ao controle de uma série de fundos de capital de risco que querem manter o estúdio reduzindo custos.

“Como co-roteirista e diretor dos filmes, desejo para a produção a melhor sorte e serei o primeiro na fila para ver o produto finalizado”, concluiu del Toro.

Os dois filmes de “O Hobbit” se centram no romance homônimo de Tolkien, que precede “O Senhor dos Anéis” e cujo protagonismo recai em Bilbo Baggins, papel que na saga de Peter Jackson foi interpretado por Ian Holm.

Os três filmes da série “O Senhor dos Anéis” geraram US$ 3 bilhões em bilheteria entre 2001 e 2003. A terceira parte, além disso, ficou com os 11 prêmios Oscar aos quais concorria.
>> YAHOO – por EFE

Anúncios

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: